terça-feira, 6 de fevereiro de 2018

João apanhou à gripe

Pois é, esse inverno longo e humido, trás muitas chatices. Na escola do João, muitos coleguinhas já tinham apanhado gripe.Eu já estava em alerta. Nos telejornais, já tínhamos também ouvido sobre uma epidemia de gripe pela Europa. E voilà. Desde Domingo quando a Mariana ainda estava por cá, eu já havia percebido que meu João não estava nada bem e não deu outra, logo a noite veio a febre.

Ontem, fui trabalhar com o coração apertado por ter que deixá-lo  sozinho em casa. Ainda no meio do dia de ontem, a "danada da febre voltou. Liguei para a nossa médica de família, apanhei um trem e voltei para casa. A médica veio visitar o João, receitou alguns medicamentos e repouso. Para ela, na quinta-feira ele já pode voltar para a escola. Vamos ver como ele vai reagir,  vou estar de alerta.
Mesmo todo equipado com telefone, tablet e o seu Google home, nada lhe apetece. Corta o meu coração vê-lo assim tão murchinho e sem vontade de fazer nada. A gente percebe até pela foto o rostinho tão abatido. O problema é esse choque de temperatura. Fora de casa muito frio e neve, dentro de casa os aquecedores sempre ligados a 22 graus. Por conta disso passar o inverno sem pegar uma gripe é muita sorte.
Por enquanto vou estar em casa. É muito bom poder usufruir desse programa do governo que me dá o direito de ficar em casa cuidando do meu filho quando necessário. Hoje para o nosso almoço, preparei uma mesa bem alegre. Cores, flores e comidinha feita com muito amor. A intenção é de atrair os seus olhinhos e com isso motivar o apetite do João.
Aproveito esse post para mostrar os meus vasos com plantas.Além da necessidade de ter flores,gosto do verde em casa. As minhas orquideas ficam na janela para a rua,na sala do marido. A intenção é alegrar os ambientes, deixar a casa com bom astral e assim trazer um pouco de vida  para nossa casa e para nossas vidas.

                                                                             Boa semana, queridos. Com amor!❤

15 comentários:

Liliane de Paula disse...

Tive sorte de ter estado tantos dias num frio de lascar e não ter resfriado, viu.
Boa recuperação ao João.

Patricia Merella disse...

Pois é Liliane! Eu tive para te perguntar se o teu corpo n sentiu este choque de temperaturas.Obrigada,beijinhos!

O meu pensamento viaja disse...

Pobrezinho! Espero que melhore rapidamente, mas, sabe, a gripe tem o seu tempo. As melhoras para o João. Beijinhos

✿ chica disse...

Coitadinho! Tomara fique logo bem! bjs, chica

Patricia Merella disse...

Obrigada Nina! Foi o que eu disse a médica. Nunca vi se curar de uma gripe em 3 dias.Beijinhos

Patricia Merella disse...

Obrigada Chica,beijinhos!

Lete disse...

Tadinho do teu menino... mas daqui a uns dias estará bom e feliz de novo! Adorei a decoração e a comidinha, que bom aspeto!
Rápidas melhoras para o Joãozinho e um grande beijinho aos dois!

Patricia Merella disse...

Querida Lete,grata pelo carinho! Beijinhos

Prata da casa disse...

Oh, coitadinho! Está mesmo com um ar infeliz, mas , com os carinhos da mamã em breve vai ficar como novo!
A casa fica sempre muito bonita com as plantas. Também acho que dão vida e alegria ao ambiente.
Bjn
Márcia

Os olhares da Gracinha! disse...

As melhoras do João!!!
Por aqui só eu é que não gripei!!!
Belos olhares...bj

Os olhares da Gracinha! disse...

As melhoras do João!!!
Por aqui só eu é que não gripei!!!
Belos olhares...bj

Patricia Merella disse...

Grata pelo carinho Márcia!Beijinhos

Patricia Merella disse...

Obrigada Graça! Eu também não gripei. Marido já gripou,espero n apanhar esta gripe! Beijinhos

Francisco Manuel Carrajola Oliveira disse...

É o tempo das gripes, as melhoras do João.
Um abraço e continuação de boa semana.

Andarilhar
Dedais de Francisco e Idalisa
O prazer dos livros

Manuel disse...

Estoy contigo, en que es muy duro tenerse que ir a trabajar cuando se tiene a un hijo enfermo, por eso mismo valoro mucho, que el gobierno os de esos días de permiso, cosa que no sucede aquí.
Espero y deseo que John, se encuentre ya totalmente recuperado.
Un abrazo.