quinta-feira, 17 de janeiro de 2019

Enfim uma boa notícia!

Meu último dia no IPES Tubize e o almoço de natal.Meus  queridos  professores . 
Alessandra professora
Do lado esquerdo meu chefe,do lado direito um adorável educador.
As duas secretária
A entrada básica do almoço de Natal.Do lado esquerdo duas queridas colegas. Do lado direito as secretarias e uma professora.

Na verdade,esta foi uma novidade de Dezembro que eu pensei que já vos tinha dito. Lembram que eu pedi transferência do trabalho para uma escola à Nivelles à 10 minutos de trem de minha casa? Pois é. No início de Dezembro,eu fiquei sabendo que a banca de deputados aprovou minha transferência e para a escola que eu queria. Pois é estou muito feliz por esta conquista. Mudou toda a minha vida. A escola que eu trabalho agora,se chama EPM . É uma escola para crianças especiais. Eu já amo tanto eles. Não foi fácil deixar o IPES de Tubize. Como vocês sabem,eu amo aquela escola.Fui muito bem acolhida e recebi de lá muito amor. A minha despedida foi um chororô. Fizeram uma festa surpresa para mim. Ganhei muitos presentes e muito amor. No dia 21 de Dezembro,tanto na escola que trabalho agora,como no IPES Tubize ,teria nosso almoço de Natal. Eu fiquei tão dividida e decidi ir para à antiga escola . E como foi bom retornar lá. Ouvi do meu diretor que foi fácil me amar,será difícil cortar os laços e impossível esquecer. Isto não tem preço! 

domingo, 13 de janeiro de 2019

Bom Domingo !

Queridos,grata pelo carinho no post anterior. Fiz este bolo nega maluca com cobertura de chocolate à pedido de Pascal. O marido da Vero. A vida segue com o amor de sempre! Bom Domingo! ❤



domingo, 6 de janeiro de 2019

Adeus querida Vero



Queridos,está foi a primeira notícia triste de 2019. Quem me segue lembra que Veronique  e Pascal se casaram em 27 de Agosto de 2016. Que fui eu que fiz este primeiro encontro em 2013. Que eles me deram a honra de testemunhar esta linda união. Que em Maio 2016 eles vinheram ca em casa trazer o convite do casamento e um presentinho para mim. Estavam felizes. Formaram uma linda familia com esta união. Vero era de uma simplicidade,de uma discrição elegante,linda,doce e um ser humano  incrível.Como eu estou triste.Dois meses depois de casada ,Vero começou a sentir dores no joelho. Mal sabia que era um câncer no pulmão e que as mestatase já tinham se espalhado para todo corpo.Pobre Vero,foi uma guerreira.Sempre consciente de tudo,viveu sóbria até o último momento. Deu o seu último suspiro em casa ao redor dos pais,marido,filhos e enteados.Ah minha querida Vero,grata pela pessoa linda que tu foste. Grata pela tua doce amizade. Grata ao universo por te encontrar no meu caminho. Jamais te esquecerei! Que os anjos te acolha e que tu n sofras mais.