sexta-feira, 6 de maio de 2016

Floralia Brussels





























É uma exposição de flores de primavera, organizado no parque e no castelo de Grand-Bigard . Este ano completa o seu 13º aniversário.
Dos 14 hectares do parque você vai encontrar quase todas as variedades de flores de primavera. Sob a orientação de especialistas,  mais de 1 milhão de cebolas foram plantadas pelas mãos da equipe dos jardineiros do castelo.
Os muitos amantes da natureza terão a oportunidade de descobrir durante estas quatro semanas 400 variedades de tulipas e Narciso e narciso das variedades mais raras ás comuns, como narciso borboleta e as inúmeras variedades botânicas.
Tulipas são divididos em precoce, triunfos média ou tardia, mas também clássica, botânico (kaufmanniana, greigii e fosteriana), flor de lis, se contraiu, viridiflora, papagaios, duplos e multi-flora.
Sob as árvores, um tapete de flores silvestres compostas de azul e amarelo jacintos, tulipas em miniatura ... mas azáleas e rododendros.
Além do pomar, um jardim dedicado a rododendros e azaléias. Eles vêm de Exbury Gardens, localizado ao sul-oeste da Inglaterra, que eram provavelmente os primeiros jardins do mundo para expor rododendros sob a liderança de seu criador Lionel de Rothschild, no início do século XX.
O parque foi parcialmente desenhada final do século XIX pelo arquitecto jardins Louis Fuchs ,  criador de muitos parques na Bélgica. A concepção e realização da exposição Floralia Bruxelas  é confiada a Maarten Bakker , descendente de uma ilustre família de produtores de bulbos na Holanda . Ele se esforça para encontrar as variedades mais interessantes para criar canteiros de flores. Para este fim, ele viaja a Holanda em busca das mais belas espécies e dos produtores mais talentosos. Em seguida, ele compôs os vários jardins , tendo em conta a diversidade de cor e tempo de variedades de flores.Se você estiver em Bruxellas entre 06 de Abril á 06 de Maio e ama flores como eu,não percam. A entrada custa 12 euros e o parque é aberto as 10hs e fecha as 18hs.Queridos,é um  paraiso.  Gratidão! Com todo meu amor!

quinta-feira, 5 de maio de 2016

Maastricht























Olá queridos..Maastricht fica na Holanda, a menos de 2 horas de nossa casa.E ontém fui passear por lá, com uma amiga e as crianças.Maastricht tem uma feira maravilhosa, de tudo, mas especialmente, de tecidos.Tecidos lindos,muitos tecidos e otimos preços,acontece que eu não sei costurar e então não foi esta a intenção da viagem.Minha amiga, tem dificuldade de encontrar sapatos cá na Bélgica,pois usa 43 e na Holanda tem muitas opções.Apesar de ser pertinho de nossa casa,visitar lojas perde-se muito tempo.Tem  lá tanta coisa para se visitar: os vinhedos,o forte de São Pedro,o passeio de barco,o moinho do bispo,as casamatas,as cavernas de São pedro,o castelo,enfim atração não falta,mas o tempo voa.Prometemos para as crianças voltar e fazer algumas visitas.Foi um dia super agradável e deixo o registro para vocês.As ultimas imagens são de uma livraria que mas parecia uma igreja,fiquei encantada,o eto era lindo.Tenho todos um lindo dia,com todo meu amor!

quarta-feira, 4 de maio de 2016

"Seja a mudança que você quer ver no mundo!"

                 "Seja a mudança que você quer ver no mundo!" Mahatma Ghandi
  Passamos tanto tempo complicando as coisas na vida, que nos esquecemos como é fácil simplificá-las.
          Nada substitui a paz e o bem-estar de uma vida simples. Considere que quanto mais coisas você possui,   mais tempo precisará dedicar a cuidar delas e mantê-las.Assim a primeira dica simples para o dia-a-dia é:
           1. Abandone aquilo que não faz sentido, não faz diferença, não faz falta e não faz bem
       É preciso coragem, disposição, humildade e muita força de vontade para abandonar as coisas. Nós nos    apegamos demais! Apego não faz bem à vida, a verdadeira riqueza consiste em aprender a ter sem possuir..
    Considere as coisas e situações como transitórias; acostume-se a abandonar as coisas, partindo sempre daquelas que você já percebe como menos necessárias. Comece limpando as gavetas, separando no guarda-roupa as roupas que não tem usado nos últimos meses. Parece incrível, mas organizar gavetas e guarda-roupas ajuda a organizar as ideias e, em consequência, a própria vida. Quando você coloca o princípio da organização em movimento, tudo melhora. Felicidade, paz e bagunça não combinam.Lembre-se de abandonar aquilo que não faz bem. Isso inclui certos tipos de conversas, leituras, amizades, hábitos.
       2. Fique somente com o que agrega e eleva. Mantenha o necessário, somente o necessário
         Você não precisa ser extremamente minimalista, ao ponto de ter somente o absolutamente necessário.    Há espaço para certo supérfluo não prejudicial na vida de todos nós (apenas não se apegue a ele). Mas procure  manter somente o que vale mesmo a pena, os CDs e DVDs que valem a pena, os livros que valem a pena, as      amizades que valem a pena, as lembranças e sentimentos que valem a pena, e assim por diante...
   Lembre-se de manter os bons pensamentos, os bons sentimentos, as boas atitudes e o esforço para conquistar o direito de realizar seus sonhos!é preciso manter a fé, a esperança, a autoestima, o amor e a certeza                                              de que tudo pode e deve melhorar!
                          3. Concentre-se em tornar as coisas mais simples
A disciplina é difícil de implantar num primeiro momento, mas conquistada, torna a vida muito mais simples e produtiva. Com disciplina, tempo e dedicação você encontra os recursos e caminhos para fazer tudo o que deseja e aprende a fazê-lo de uma forma que lhe traga muito prazer e alegria.Simplifique os relacionamentos, espere um pouco menos das pessoas, não estabeleça expectativas muito elevadas. Cada pessoa possui uma forma de ser e um tempo para poder avançar e alcançar novos estágios de relacionamento, compreensão e atitude. Seja gentil com as dificuldades dos outros, encontre justificativas para as dificuldades deles com a mesma disposição e criatividade que encontra para a suas!
                                  4. Amar sua família não significa ter os mesmos valores que ela

Dedique-se a amar a sua família, não existe acaso no mundo. Por mais que em alguns momentos possam não parecer, essa é a melhor família para você e, um dia, no futuro, você compreenderá isso. O parentesco é consanguíneo, isso não implica que as afinidades emocionais, afetivas, espirituais e de personalidade sempre estejam presentes. Amar sua família não significa que você ou eles possuem o modelo certo, não significa que precisam ser idênticos, significa que possuem uma história em comum, que pode ser melhor ou pior, agradável ou não, dependendo das escolhas que fizerem. 
Escolha ser e fazer feliz. Mantenha sua identidade, defenda o que você acredita, mas aprenda a fazê-lo sempre pelos melhores e mais suaves caminhos. A utilização da força, seja em argumentos mais contundentes, seja em atitudes mais duras, deve ser sempre o último recurso.
   
 5. O mundo que você deseja depende de você
A imensa maioria das pessoas manifesta que não vive no mundo que deseja; que o mundo ao qual elas pertencem é muito diferente daquilo que esperavam e lhes causa muita decepção e sofrimento. Muitas pessoas dizem que quanto mais o tempo passa, maiores são as suas decepções. Bem, se quanto mais o tempo passa, mais você se desilude e decepciona - isso prova que você passou esse tempo todo se iludindo e criando falsas expectativas com relação ao mundo. Para corrigir isso, precisamos corrigir nossa maneira de olhar o mundo.


Nossas percepções do mundo ao nosso redor são profundamente influenciadas e criadas por nossas percepções do nosso mundo interior. Se quisermos um mundo melhor aqui fora, precisaremos reformar o mundo que trazemos no nosso íntimo. Vale o maravilhoso conselho do Mahatma Ghandi: "Seja a mudança que você quer ver no mundo!"

                                              Texto de  Carlos Hilsdorf (Pesquisador do comportamento humano)
                                                                     imagens :Patricia Merella